top of page

Planta Cara de Cavalo: como cuidar

A planta cara de cavalo possui um nome peculiar por conta da sua forma física, que se parece com a face do herbívoro. Com traços exóticos mas originária da Bacia Amazônica, essa planta é muito popular em paisagismos internos e externos.


Considerada uma planta do gênero filodendro, ela possui folhagens em formato de espada e se adapta muito bem a locais com clima ameno e úmido.


Para quem deseja incluir a planta cara de cavalo na decoração do jardim interno ou mesmo no quintal de casa, separamos algumas dicas de como cuidar dela. Confira mais informações a seguir.


O que é a planta cara de cavalo?

A Philodendron panduriforme, conhecida pelo nome popular de filodendro cara de cavalo, ou somente cara de cavalo, é uma herbácea da família Araceae. Essa folhagem se caracteriza por crescer nos climas tropical, subtropical e equatorial, sendo considerada uma trepadeira do tipo epífita.


Na prática, isso significa que ela usa o caule de outras plantas para se apoiar, no entanto, não retira nutrientes da hospedeira.


Quando próxima às árvores, a planta cara de cavalo desenvolve raízes aéreas. Mas, ela também pode estar plantada em vasos, desde que esteja sozinha e tenha bom espaço para crescer.


Como cuidar da planta cara de cavalo?

A planta cara de cavalo se adapta muito bem a diferentes ambientes. Tanto é que pode ser colocada na parte externa do quintal ou em vasos dentro de casa.


Pensando nos cuidados com ela, confira as respostas para as perguntas mais frequentes:

Como e onde plantar?


A cara de cavalo é uma trepadeira que não precisa de luz direta e pode ser cultivada em vasos ou como epífita em uma árvore ou galho. Ela tem crescimento lento e precisa de um suporte para conseguir subir e se desenvolver.


Para plantá-la dentro de casa, o vaso precisa ter uma camada de substrato, uma de pedra e mais uma de terra solta. Assim sendo, deve ser um solo leve e com boa capacidade de drenagem para que a água não se acumule e apodreça as raízes.


Além disso, a planta cara de cavalo gosta de sol, porém, a iluminação precisa ser de forma indireta, à meia sombra. Desse modo, coloque o vaso do filodendro em um local arejado, com incidência de raios solares, mas com luz filtrada.

Quais as características do substrato da planta cara de cavalo?


O substrato deste tipo de planta precisa ser rico em matéria orgânica, ter drenagem boa e possibilitar o escoamento da água.


Para compor o substrato, você pode usar musgo de turfa, vermiculita, casca de pinus, perlita ou argila expandida.

Quando regar?


As regas da planta cara de cavalo devem acontecer sempre que o substrato superior estiver seco. Para saber a hora correta, faça o teste com um dedo. Nesse sentido, coloque o indicador dentro da terra e, se estiver tudo seco até o primeiro nó, é hora de regar.


Em períodos de maior calor, a planta tende a precisar de mais água, por isso, é fundamental estar de olho para que ela se mantenha hidratada.


Ademais, não dê água gelada nem faça regas em excesso. No primeiro caso, a planta não gosta de frio, então o gelo não vem bem. Já no segundo, uma quantidade maior de água pode causar apodrecimento das raízes.

Qual o melhor clima para que a planta se desenvolva?


Como é uma herbácea natural de biomas amazônicos, a planta cara de cavalo gosta muito de umidade no ar e não se desenvolve em climas frios. Em suma, a temperatura ideal varia entre 16ºC e 24ºC.


E, para o controle da umidade, você pode colocar um umidificador elétrico ou um prato com água próximo ao vaso dentro de casa. Ou então, colocar a planta na sombra, no quintal.


Por fim, vale manter a umidade borrifando água sobre as folhas. Além de deixar o ambiente mais favorável, também ajuda na hidratação e limpeza das mesmas.

Como fazer a adubação da Philodendron panduriforme?


A adubação da cara de cavalo deve ser feita especialmente nos meses mais quentes. Sendo assim, durante a primavera e o verão (período de crescimento da planta), o ideal é adubar com nitrogênio uma vez por semana.


Agora, para os meses de outono e inverno, o adubo pode ser ministrado em menor quantidade, respeitando o espaço de um mês entre uma e outra.

Como fazer a manutenção da planta cara de cavalo?


Por ser uma planta de cultivo fácil, além das dicas que já foram dadas, você pode cuidar da sua cara de cavalo fazendo a limpeza da poeira das folhas. Para isso, use um pano úmido com água ou então coloque ela num lugar que pegue água da chuva (pode colocar debaixo do chuveiro também).


Outro cuidado é o do replantio. Este deve ser feito em períodos de 2 a 3 anos para que seja feita a troca do substrato da planta.


Por fim, a poda deve ser restrita às folhas mortas, amareladas e secas. Isto é, não é necessário retirar as folhas do topo ou mais próximas do solo a menos que já tenham morrido.



Onde encontrar a planta?


Com folhas em formato inusitado e, porque não, exótico, a planta cara de cavalo combina muito bem com jardins internos, sendo possível colocá-la tanto em vasos suspensos quanto em vasos no chão.


Então, se você procura por um exemplar para complementar o paisagismo da sua casa, nada melhor do que ter acesso às melhores plantas. Para isso, a Maison Garden tem tudo o que você precisa, desde a própria planta cara de cavalo até os substratos e adubos essenciais para garantir um bom desenvolvimento.


Além disso, ao continuar acompanhando os conteúdos aqui do blog, você fica por dentro de todas as dicas sobre jardinagem e paisagismo, para ter suas plantas cada vez mais bonitas.


32 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page